Doença de Chagas: Brasil tem cerca de um milhão de infectados

 

Bicho barbeiro: hospedeiro do tripanosoma cruzi - Foto: Google

Transmitida pelo protozoário Trypanosoma  cruzi,  a doença de Chagas foi descoberta pelo brasileiro Carlos Chagas em 1909. O protozoário tem como hospedeiro o “barbeiro” que é conhecido por esse nome, pelo hábito que tem de picar as pessoas no rosto.

A doença de Chagas pode ser contraída quando a pessoa tem contato com as fezes do barbeiro ao coçar o local da picada; ingestão de alimentos contaminados; transfusão de sangue. Mulheres grávidas podem transmitir a doença para os filhos durante a gravidez ou parto.

Os sintomas da doença de Chagas podem ser: febre prolongada, dor de cabeça, fraqueza e inchaço do rosto e das pernas.

A prevenção da doença pode ser realizada através de inseticidas cuja aplicação deve ser realizada por equipe habilitada. A utilização de telas e mosquiteiros é uma forma de impedir que o inseto entre nos ambientes. Também existem medidas que previnem a transmissão oral como cuidados com alimentos e outros.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu o dia 14 de abril como o Dia Mundial da Doença de Chagas. Nesse a campanha tem como objetivo a conscientização da importância do diagnóstico precoce da doença. Segundo o Ministério da Saúde existem no Brasil, cerca de um milhão de infectados.

 

Fonte: Ministério da Saúde




Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem